Sinta-se Em Casa

Entre. Puxe a cadeira. Estique as pernas. Tome um café, e vamos dialogar com a alma.



quarta-feira, 20 de março de 2013

Pastor de Gabinete? O que Acontece Ali?

Onde é o lugar do pastor? Num gabinete pastoral atrás de uma escrivaninha? Em visitas nas casas das ovelhas? Nas reuniões onde elas estão? Em todos esses lugares!

O gabinete pastoral deve ser o ponto de encontro disponível. É bom que a ovelha saiba onde pode encontrar o pastor. Dá segurança saber que ele está ali - disponível. A sensação é que ele está presente e poderá estender as mãos quando preciso.

O gabinete pastoral - quando lá não tem ovelhas - se torna um espaço de treinamento. Ali o pastor se prepara para alimentar as ovelhas. Ele come do banquete do Pai e então poderá servir pastos verdejantes. 

O gabinete pastoral não é lugar só de treinamento e preparação. É um lugar propício à guerra. É portanto um campo de batalhas porque ali o pastor lutará diante de Deus por suas ovelhas.

O gabinete pastoral também é o lugar de terapia pastoral onde o Sumo-Pastor cuida o coração do pastor. Onde o pastor menor se refaz dos espinhos da lida pastoral. Carregar o fardo de muitos pesa demais. 

O gabinete pastoral quando tem um pastor cujo coração é cuidado pelo Senhor terá condição de aconselhar no caminho em que a ovelha deve seguir. Ali é também é essa clínica dos bons caminhos. 

O gabinete pastoral é também um confessionário. Ali as ovelhas se sentem livres para repartir suas fraquezas, serem ouvidas sem críticas e com toda compreensão. O que talvez ninguém aceitaria o pastor deve estar treinado a ouvir e a estender as mãos.

O gabinete pastoral quando resgata a ovelha pode se tornar uma oficina. Ali a ovelha poderá receber orientações básicas para desempenhar o seu ministério.

O gabinete pastoral inclusive é uma espécie de "santo dos santos" onde o sacerdote desses últimos dias entra para interceder a favor do povo. Ali ele menciona diante do Senhor as dores, os dilemas, as fraquezas, as derrotas, as alegrias e até os sonhos das ovelhas. 

O gabinete pastoral se manifesta também como um "monte Sinai" onde se contempla a glória de Deus. Se assim for não serão poucas as vezes em que o pastor sairá dali com o rosto brilhando.

E por fim, o gabinete pastoral pode também ser celebrado perigosamente como se fosse um tipo de "monte da transfiguração" porque ali o pastor pode se aprofundar tanto no Evangelho que sentirá uma vontade enorme de fazer sua tenda de comunhão e glória definitiva ali. Mas, como é apenas uma prefiguração do que virá, ele novamente terá que pisar o chão das ovelhas.

São nessas idas e vindas que a Igreja é edificada e as ovelhas vão gerando saudavelmente outras ovelhas.

(Obs.: a ênfase recaiu sobre o pastor, mas tudo isso as ovelhas podem experimentar ali, junto com o pastor, e o próprio pastor pode estar "do outro lado", como alguém que também precisa confessar suas fraquezas.) 

ESSE VÍDEO É APENAS A LEITURA DO TEXTO:

Um comentário: